DAMEN Magazine #5

Embarcação Marítima Multitarefa

Published in category: Publications in Portuguese
Share:

A construção naval padronizada não implica um conjunto predeterminado de funcionalidades. Na verdade, a tecnologia comprovada associada à construção em série, particularmente se combinada à cooperação próxima do cliente, oferece uma oportunidade inédita de desenvolver embarcações versáteis, aptas à navegação precisa em diversos setores do mundo marítimo.

Faça algo e se der certo, faça de novo. Franklin D. Roosevelt provavelmente não estava pensando em construção naval quando disse essas palavras imortais, mas elas certamente se encaixam perfeitamente ao contexto. Em todo caso, trata-se de um sentimento que ressoa na Damen – uma empresa cujo sucesso na construção naval se deve, em grande parte, ao seu portfólio padronizado de embarcações;

A padronização proporciona inúmeros benefícios; o processo na linha de produção permite a entrega de embarcações rápidas, comprovadas e econômicas para operações em todo o espectro de setores marítimos. E a produção padronizada facilita – por meio do programa de cooperação técnica da Damen – a construção de embarcações em qualquer parte do mundo, mesmo que o estaleiro não seja da Damen.

Uma infinidade de potenciais

Os termos ‘padrão’, ‘linha’ e ‘série’ podem dar uma ideia de inflexibilidade – afinal, se toda embarcação produzida for idêntica à anterior, que margem haverá para a versatilidade? A resposta, entretanto, é que essa margem é enorme.

Vamos ver a linha de embarcações Damen FCS, por exemplo. FCS significa Fast Crew Supplier (transporte rápido de tripulação), mas essas embarcações fazem mais do que o transporte de pessoal. Muito mais.

Tudo começou com o FCS 3307, embarcação com casco de alumínio de 33,2 metros, para transportar até 75 pessoas, e que desenvolveu uma reputação admirável na indústria offshore. Chegamos a um ponto, entretanto, em que já era tempo de construir algo maior.

DOÑA ANGELA MARIA Naviera Integral offshore crew boat

A empresa offshore mexicana Naviera Integral precisava de um equipamento capaz de transportar carga, além de pessoas. Para atingir seu objetivo, o cliente trabalhou lado-a-lado com a Damen no desenvolvimento da primeira embarcação FCS 5009 – com 53,25 metros de comprimento. Este foi certamente um fator importante no desenvolvimento bem-sucedido – conforme citado por Jaap Gelling, diretor de produção de embarcações de alta velocidade da Damen:

Tínhamos uma boa ideia do que o mercado precisava, mas desenvolver um projeto com o cliente inaugural melhorou bastante as coisas. Afinal, o cliente sabe exatamente do que ele precisa.

Curvas de aprendizagem

Isto é para não dizer que o processo de desenvolvimento fluiu às mil maravilhas o tempo todo. Com base na versão ampliada do 3307, as primeiras unidades do FCS 5009 foram concebidas compartilhando um casco de alumínio semelhante. Entretanto, nossa experiência com os modelos Damen Stan Tenders 4309 e 4709 revelaram que o casco alumínio, acima de determinadas dimensões, demonstrava sinais de fadiga rapidamente.

stress calculations and the plate thickness, Offshore crew vessel

A gerente de projetos e propostas do departamento de embarcações de alta velocidade da Damen, Wim Boerma, nos conta como foi: “Começamos a fazer os cálculos de tensão e calculamos a espessura da chapa necessária para navegar por 15 anos sem rachaduras. Chegamos à conclusão de que, para qualquer embarcação acima de 42 metros, o aço seria a melhor opção. Não apenas o aço é mais resistente, mas em uma embarcação dessa dimensão, o uso do aço significa menos material utilizado, no final das contas. Essas constatações levaram à escolha de um casco de aço para o projeto do FCS 5009.”

O projeto comprovou ser tão prático e bem-sucedido que a Naviera Integral, que estava focada no transporte de passageiros e não em uma combinação passageiros-carga, acabou procurando a Damen em busca de uma solução com base no 5009, porém menor.

O resultado foi o Damen FCS 4008, um barco para transferência de tripulação de 41,2 metros de comprimento, capaz de transportar até 100 pessoas. Assim como o 5009, o 4008 combina um casco de aço a uma superestrutura de alumínio, propiciando a resistência e a velocidade.

Juan Pablo Vega, presidente da Naviera Integral disse: “As embarcações da Damen Sea Axe têm excelentes características de navegabilidade e nosso cliente, a PEMEX, notou os benefícios que isto proporciona. As embarcações são bem mais confortáveis para a tripulação e as pessoas chegam mais bem-dispostas para realizarem seu trabalho. O FCS 4008 também é muito econômico em termos de combustível, que é pelo menos 10% inferior ao das embarcações convencionais, e este é um aspecto importante. ”

Navegando bravamente onde nenhum outro barco jamais chegou

Além de o Sea Axe FCS ser forte, confortável e econômico, ele também é lindo de se ver. As linhas do barco não são meras funcionalidades; o Sea Axe tem estilo. De fato, tem tanto estilo que o projeto rapidamente ganhou projeção em mercados onde pouquíssimos modelos conseguem penetrar – o luxuoso mundo dos super iates.

Wim Boerma: “Logo depois que a Naviera começou a utilizar essas embarcações, foram abordados por uma pessoa que queria comprar uma delas. Ele havia visto o desempenho e a navegabilidade, o generoso espaço nos decks e o visual do barco, então identificou o potencial para ser utilizado como iate de apoio. A Naviera direcionou essa pessoa à Damen e, assim nasceu a linha de iates rápidos de apoio da Damen, a Damen Fast Yacht Support. ”

A linha de iates de apoio se beneficiou da sinergia existente no grupo Damen Shipyards; as embarcações são construídas pela Damen e comercializadas pela Amels. Rob Luijendijk, diretor executivo da Amels explica:

O conceito do Sea Axe foi muito bem aceito no mercado comercial, devido ao próprio desempenho da embarcação. Ela contribui nas operações dos navios principais como verdadeiro iate de luxo, sem ser afetado pelas atividades operacionais.

Os iates de apoio – com uma linha que agora vai dos 33 aos 80 metros – oferece aos proprietários dos iates a oportunidade de aproveitar ao máximo seu tempo no mar. A velocidade da embarcação significa que ela é capaz de reagir rapidamente às necessidades do navio principal, e o amplo convés assegura espaço suficiente para o pouso de um helicóptero, equipamentos de esportes náuticos e pertences.

Com acabamento de alta qualidade em pintura para super iates e tábua corrida artificial, o iate de apoio Damen se adapta perfeitamente aos mastros que balançam graciosamente pelo Mediterrâneo.

Não apenas um rosto bonito

O espaço do convés é um componente integrado da versatilidade da linha FCS, conforme atestado por Jaap Gelling em relação ao modelo 5009: “Devido ao grande espaço disponível, foi relativamente fácil modificar o modelo para diferentes aplicações. ”

Por exemplo, quando a cliente ESNAAD, empresa operacional da ADNOC, a empresa petrolífera nacional de Abu Dhabi solicitou não apenas os recursos de transferência de tripulação e carga, mas também embarcações para o plantão de segurança, o generoso espaço do convés ofereceu a maior parte dos insumos para a adaptação necessária. Wim Boerma: “O cliente precisava de equipamentos de combate a incêndios, um gancho para reboque, um guindaste de emergência e um barco de resgate rápido, tudo no convés de popa. O cliente também precisava reconfigurar o deck principal para instalar cabines para acomodar a tripulação durante períodos mais longos em alto mar. ”

A partir deste ponto, foi um passo simples até chegarmos à versão para reparação de danos por derramamento de óleo. Particularmente notável para este fim é que a embarcação pode ser configurada com diferentes sistemas de propulsão, oferecendo velocidades que variam de 23 a 32 nós. “Para a reparação de danos por derramamento de óleo, a velocidade é particularmente crítica” – disse Wim. “Nessa função, o 5009 é capaz de chegar onde precisa estar com muita rapidez, limitando assim qualquer dano potencial. ”

A velocidade também assegura a aplicabilidade da embarcação a operações de segurança. Em 2012, a Special Vessel Services adquiriu um FCS 5009, o SVS Cochrane. A embarcação uniu-se a quatro outros FCS 3707 que já faziam parte da frota da empresa, e assumiu a operação de intervenção de apoio rápido/guarda costeira no leste da África. Para habilitar a embarcação à operação, a Damen a equipou com uma cabine de comando blindada e uma área segura à prova de balas a bordo. Também foi necessário instalar um turco de articulação simples para lançamento da SVS Melissa, lancha de patrulha e interceptação da Damen.

FCS 5009, SVS Cochrane

O site da SVS na internet não deixa dúvidas quanto às qualificações da embarcação, inclusive de sua versatilidade: “…a configuração das cabines, assentos e convés é modulada e adaptável. O Cochrane atualmente está equipado com acomodações em cabines para 17 passageiros ao longo dos 240 m2 do convés, bem como com um turco e um bote de resgate rápido (FRC). Com velocidade máxima acima de 20 nós, proteção balística integral e autonomia para 6.000 milhas náuticas, o SVS Cochrane foi… projetado e construído com a segurança física e patrimonial em mente. ”

De fato, o FCS 5009 é tão bem adaptado às operações de segurança que constitui a base para o projeto do Damen Stan Patrol 5009. Essa embarcação, que será analisada em detalhes em um futuro artigo, incorpora as características comerciais de sucesso do projeto 5009, em uma embarcação apta a operações militares.

Stan_Patrol_ship

A última palavra

Outro relato que demonstra a qualificação do projeto 5009 para a segurança são as palavras de Antonette Wemyss-Goman, comandante da guarda costeira da força de defesa da Jamaica:

O Damen FCS 5009 é uma plataforma versátil, que pode ser configurada para executar diversas missões. Como comandante, a versatilidade dessa plataforma a torna um ativo desejável a ser considerado no espectro das competências necessárias para que eu execute minha função.

10 anos após o primeiro FCS 3307, a linha de produtos está comprovando sua popularidade mais do que nunca. Desde 2006, a Damen entregou cerca de 94 FCS de grande porte em todo o mundo, e já tem mais 20 unidades em estoque ou em processo de construção, aptas a atender a uma ampla gama de funções diferentes, e oferecendo aos clientes os benefícios da padronização flexível.

back to top